10 filmes pra assistir na netflix e ignorar o carnaval

Eita porra, já vai começar fevereiro?
O mês tá terminando, Big Bosta Brasil tá aí e em breve, o carnaval já vem chegando junto. Depois termina fevereiro e com ele, as férias... aff. 
Se você, assim como eu, não gosta de lugares lotados (ou seja: aqueles desfiles de carnaval seriam um pesadelo), muito menos de samba e prefere mil vezes ficar em casa vendo filme do que ter que aguentar gente retardada na rua, bora ver esses filmes aí? Basta clicar em continue lendo ;)




1. O Seu Jeito de Andar: Um babaca conhece uma garota que era mantida em isolamento num hospital psiquiátrico, e por algum motivo, ela acaba grudando nele.
No começo ele meio que tentava se livrar dela, depois resolve usá-la para enganar os pais convencendo-os de que está tudo bem na vida dele. Claro que deu merda, mas eles acabaram se apaixonando ao longo do processo.
Assisti o filme por DVD (acreditem se quiserem) antes de ter sido lançado na Netflix e não me arrependo. 

2. Se Enlouquecer não se Apaixone: Um garoto estressado por problemas estudantis tenta se matar, muda de ideia e se interna em uma clínica psiquiátrica. Porém, não havia ala infanto-juvenil, então ele acaba indo parar no meio dos adultos, onde percebe que tem gente muito mais fodida que ele e conhece uma garota por quem adivinha? Ele se apaixona.
Outro que eu assisti antes de ir para a Netflix, só que dessa vez foi pelo You Tube mesmo.

3. The Fundamentals of Caring: Após fazer uma espécie de curso para cuidadores, Ben, obviamente, precisa de emprego e consegue entrevista na casa de Trevor, um adolescente mimado e arrogante em uma cadeira de rodas. E o que a princípio era antipatia, se transforma em amizade.
O filme me lembrou um pouco Como eu Era Antes de Você, por causa da coisa de ser cuidador e tals. Mas não se preocupem que nesse a dignitas não se mete ;)



4. Um Dia: Dexter e Emma se conheceram no final dos anos 80, um dia antes de se formarem. Brincaram um pouco (se é que vocês me entendem), e não conseguiram mais se esquecer.
Dexter era um playboy de merda, e Emma era intelectual, ou seja, é de se esperar que houveram vários problemas antes do querido "happy ending".
Li o livro um bom tempo atrás e queria muito ver o filme (até porque eu AMO a Anne Hattaway), mas não tinha na Netflix então fiquei muito feliz quando entrou e assisti o mais rápido que pude.

5. Será que: Há um ano, Wallace levou um chifre e agora, finalmente resolveu seguir em frente. Ele resolve ir em uma festa organizada pelo seu melhor amigo e lá, conhece a prima dele. A conversa vai fluindo, ele oferece uma carona pra ela ir embora e ao chegar na casa dela... descobre que ela tem namorado. 
Porém, eles acabam continuando amigos e ele segue o filme tentando decidir se mantém como amigo ou se tenta dar um jeito de conquistar ela.
Sim, protagonista é o ex-Harry Potter. 



6. Tirando o Atraso: Jason estava prestes a se casar com a filha do chefe e a se tornar sócio no escritório de advocacia, até que sua avó morre e seu avô viúvo o convence a ir com ele à Flórida. Lá, ele decide que está na hora de putear por aí, porque né? Enfim solteiro. 
Confesso que o filme é um daqueles besteirols americanos, cheios de machismo, objetificação da mulher e tal, mas mesmo assim dá pra dar umas risadas e é um bom filme pra ver com os amigos num domingo.

7. Perfeita é a Mãe: Amy virou mãe aos 20 e tantos anos. Hoje, aos 31 (aproximadamente), vive atolada de coisas para fazer, está sempre atrasada, estressada e seu marido é um bosta que a trai com uma mulher por web cam (pois é, tempos modernos). Cansada, ela chuta o balde e parte para a putaria com mais duas mulheres na mesma situação.
Assisti esse filme pela Mila Kunis, atriz de Amizade Colorida ♥ Apesar da sinopse, o filme é maravilhoso e até  resolvi baixar Mamma, do David Guetta com outros três artistas (clique aqui para assistir o clipe).

8. Férias Frustradas de Verão: James acabou de se formar na faculdade e está doido para viajar para a Europa, porém, seus pais não possuem grana para a viagem e ele acaba trabalhando em um parque de diversões para juntar dinheiro e bancar a travel. Lá ele se apaixona por uma colega de trabalho, porém, há tretas.
Juro pra vocês que se eu tivesse umas férias frustradas assim, eu estaria com a vida feita.



9. Ligados pelo Amor: O filme apresenta várias histórias de amor sobre vários personagens que se entrelaçam, entre eles Bill Borgens (traído pela esposa), que possui dois filhos: Sam (ela nunca perdoou a mãe pelo que fez e isso a fez desacreditar no amor, era apaixonada por Louis, mas prefere ficar com vários, o que geralmente o afasta), e Rusty (nutre um amor platônico por uma garota que namora um valentão na escola).
Sim, fica difícil acreditar no amor quando seus pais são divorciados (especialmente se o motivo for traição). Mas se me permitem um spoiler, no final dá tudo certo (ou quase tudo, porque alguns personagens não tiveram um final tão feliz assim). O filme mostra vários tipos de amor, seja eles o de namorados, pais e filhos, irmãos e irmãs, amigos, etc.

10. Simplesmente Acontece: Rosie e Alan são melhores amigos de infância, e desde sempre foram apaixonados um pelo outro. Porém, nenhum dos dois sabia disso. A merda começa quando Alan começa a namorar Bethany (uma garota de quem a Rosie não gostava), e vai com ela para o baile da escola. Ela acaba indo com um babaca popular, e por causa de um problema com a camisinha, acaba engravidando dele (que só pra variar, se nega a assumir o papel de pai).
Em vez de ir para a faculdade na qual havia conseguido bolsa, ela se tona responsável pela vida de uma criança, enquanto o lance com o melhor amigo dela enrola e desenrola várias vezes.
Eu já havia lido o livro, e olha... não recomendo essa coisa de nutrir amor por amigos. Geralmente não dá muito certo. Mas o filme é ótimo, baixei várias músicas que ouço até agora (a maioria do começo dos anos 2000), e eu sou apaixonada pela Lilly Collins.


E aí, já assistiu algum desses?
Tem alguma sugestão? 
Deixa aí nos comentários ;)

Share:

7 Fumados comentaram aqui

  1. Olá, tudo bem?
    Já assisti todas via Netflix. Alguns são muito bons.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Assisti "Perfeita é a mãe" esses dias, ache muito bom..Os demais títulos fiquei curiosa, vou ver se assisto todos..

    Dani Ramos
    www.donaengenhosa.com.br

    ResponderExcluir
  3. Já assisti quase todos e eles são fantásticos, principalmente "The fundamentals of caring", chorei muito.
    E "Tirando o atraso" já vale a pena só por ter Zac Efron nu! hahahah

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Já assisti TODOS, o que mais gosto dessa lista é "Simplesmente acontece", filme muito amor ♥
    Deixo como dica o "Os caça-noivas", muito bom e é na pegada de tirando o atraso.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. Olá flor!

    Da sua lista eu só assiti Simplesmente Acontece e Um Dia, mas fiquei bem interessada nos outros que você citou, as vezes acho dificil decidir o que assitir na Netflix e sua lista vai ser uma mão na roda.

    Beijos e Sucesso.

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?
    Eu amei a sua dica, mas convenhamos, qualquer série serve quando não se quer acompanhar o carnaval, sauhsuahusa.

    Ah, eu aproveito e indico Vikins, não lembro se é da Netflix, mas adorooooo!

    ResponderExcluir
  7. Só não assisti ainda Perfeita é a mãe, to doida pra ver

    ResponderExcluir

E aí, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de dizer que sou um lixo, me mandar pra puta que pariu? Comenta aí!

Obs: Não pagarei seu cardiologista nem seu psicólogo/psiquiatra caso acabe precisando.