#Clipe: Malibu, Miley Cyrus

Há alguns dias, Miley Cyrus lançou um clipe novo e eu nem acreditei.
Não, não é porque faz quatro anos que ela não lança nada;
Não, eu não sou uma fã babona dela... hã... eu acho.

É porque pelo visto, a antiga Miley voltou! o/ ♥

Fiquei encantada com o clima leve do clipe, é sempre bom ter algumas músicas relaxantes como essa na playlist, pra arejar a mente.


Sem falar que a letra é muito bonitinha:
Sempre pensei que eu fosse afundar, por isso nunca nadei

Nunca andei de barco, não entendo como eles flutuam

Às vezes fico assustada com o que não consigo entender



Mas aqui estou eu ao seu lado

O céu é mais azul em Malibu

Ao seu lado em Malibu

Ao seu lado

Antes que me entendam mal, não sou uma daquelas haters de quando a Miley despirocou de vez (e nem poderia, afinal, sou feminista: liberté e igualité).
Mas pra mim é bastante nostálgica aquela fase em que eu estudava de tarde, e assistia a Hannah Montana com a minha mãe e minha irmã antes de ir para a aula (muitas vezes saía rindo de alguma cena).



Não, não quero aquela época de volta: eu odiava meus colegas, não tava nem perto de ser independente, e sempre me matava pra conseguir passar em matemática. Agora eu estou estudando na área em que eu amo, não preciso de (muito) esforço pra tirar notas boas, tenho colegas gente boa (já tava na hora, né?), e apesar de ainda não ser totalmente independente (falta uma casa, talvez um carro, e um salário que sustente isso), mas ao menos tenho um emprego que me ajuda a pagar as contas do FIES e ainda comprar os materiais. O resto eu resolvo depois.


Essa nostalgia não é da época da escola, e sim de quando eu tinha 14 pra 15 anos (agora quem tem essa idade é minha irmã, e isso me deixa nostálgica também). É bom lembrar de como eu era naquela época, quem era o crush (sempre tinha kkkk), quem eram minhas amigas, em quem eu confiava, como eu pensava... e nossa, eu era muito conservadora, apesar de que no fundo eu tinha algumas tendências a me tornar feminista: eu odiava quando me diziam que eu não devia fazer/falar certas coisas por ser menina (e ainda odeio), e quando eu gostei de um garoto pela primeira vez, eu mesma confessei. E quando eu pensei sobre fazer aquilo ou não, nem passou pela minha cabeça "será que eu devia esperar, já que eu sou menina?", eu pensei: "O que eu falo? Como eu falo? Como será que ele vai reagir? Será que ele gosta de mim? Será que não gosta?". Então respirei fundo e fui me preparando para o que poderia vir (no caso, meu primeiro fora kkkk).
E hoje em dia eu até que me dou bem com esse cara. Ele foi o menos pior dos que eu gostei digamos, e encontrar com ele na rua, adivinha? Me deixa nostálgica também. 

Pois é, ando muito nostálgica ultimamente e essa música colaborou pra esse sentimento. 
Mais alguém ficou nostálgico com essa volta da antiga Miley?
Comente ;)

Share:

0 Fumados comentaram aqui

E aí, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de dizer que sou um lixo, me mandar pra puta que pariu? Comenta aí!

Obs: Não pagarei seu cardiologista nem seu psicólogo/psiquiatra caso acabe precisando.