Minha Mãe é Chata

Resultado de imagem para gilmore girls tumblr
Lorelai e Rory, a dupla mais amorzinho que você respeita!
A minha mãe é chata.
Ela manda eu ir dormir quando eu estou ocupada usando o computador, seja para o blog ou para a faculdade.
Quando estou quase no portão, ela diz que eu esqueci o casaco ou o guarda chuva, e eu tenho que voltar o "caminho todo" para pegar.
Quando eu estou voltando da faculdade, ela liga pro meu celular pra saber onde eu estou e se falta muito pra eu chegar em casa. 
Ela não brigou por eu ter ido numa faculdade que apesar de distante, era mais barata. Mas ficou perguntando quando terminava a aula, se eu não ia perder meu ônibus, etc.
Se eu quiser sair tarde e não for por algo necessário (tipo trabalho ou estudos), haja esforço para convencê-la de que não tem problema, vai ficar tudo bem.
Na quinta série, ela parou de me levar na aula, mas me convenceu a ir com a família da vizinha de trás. E eu, espertinha, dizia que estava indo com ela só pra ter o prazer de ir sozinha pra aula. E quem sabe passar na casa de um amigo ou amiga pra ir com ele(a). 
Nesse mesmo ano, meu melhor amigo na sala era... bem, um amigo. Com "o" no final. Como se explica para uma mãe que esse amigo é só amigo e que o irmão mais velho dele também não vai querer nada? rsrs
Quando dei meu primeiro beijo (aos tardios 17 anos de idade), fiquei até surpresa em receber um "ok" como resposta ao contar a fatídica novidade (não, não tinha sido péssimo, só babado mesmo. Mas era a filha dela beijando um desconhecido numa rua, perto da festa onde ela foi, uai!).
Na outra "primeira vez" (acho que vocês sabem de qual eu estou falando), que foi mais tardia ainda (20 anos), foi um pouco mais difícil de convencer que estava tudo bem fazer aquilo. E quer saber? Acho que não tinha a ver com o que eu ia fazer, mas sim com quem eu ia fazer: um merda (se ele está lendo isso, que se foda). rsrs
E não, eu não romantizava nenhuma das duas porque eu sabia que essas primeiras experiências tendem a não ser tão boas. Mas que elas melhoram com o tempo, quando já não são experiências tão novas assim.

Minha mãe ainda vai ser muito chata com muitas coisas que eu pretendo fazer na vida.
Porque ela é chata. Ser chata é o papel dela.
É que quando se trata de mães, elas se importam tanto com seus filhos, que não dão bola para o mau humor deles. Elas não ligam pra raivinha, provavelmente sabem que é típico de determinadas fases.
Elas preferem ser chatas e incomodar de vez em quando, do que ser modernas demais e deixarem seus filhos sofrerem por descuido delas.

Minha mãe é chata, mas é porque se importa. Se ela não fosse chata, talvez eu não fosse quem eu sou hoje. 
E se você não entende a chatice da sua mãe, eu tenho uma coisa pra te contar:
Se um dia você tiver filhos, você vai ser chato(a) também.

Amanhã é dia das mães, então mostre para aquela chata o quanto você a ama! E não se esqueça de fazer isso nos outros 364 dias do ano. Sei que tem dias ruins, a gente fica mais apático nesses dias, mas não se esqueça de pedir desculpas quando necessário. Demonstre seu amor e sua gratidão, porque mães não são eternas.
Elas erram? Sim, elas erram. Mas você também já errou muito e ela não guarda rancor de você por causa disso.

Feliz dia das mães ;)



Share:

0 Fumados comentaram aqui

E aí, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de dizer que sou um lixo, me mandar pra puta que pariu? Comenta aí!

Obs: Não pagarei seu cardiologista nem seu psicólogo/psiquiatra caso acabe precisando.