Coisas que você não sabia que a música pode fazer por você

A música faz parte dos melhores e dos piores momentos da sua vida. Ela te acalma quando você está com raiva, te consola quando você está triste, comemora junto quando você está feliz. Ela se torna música tema dos seus amores e amizades, ela se torna lembranças de infância, de adolescência várias baladas e de vários acontecimentos especiais na sua vida.
Mas tem muitos outros bens que a música pode te fazer e você não sabe. Quer descobrir quais são? Clique em continue lendo!

1. Durante a gestação, cantar ajuda o bebê a reconhecer a voz da mãe e por consequência, cria vínculos. Além disso, a música é capaz de acalmar os recém-nascidos e reduzir em até dez dias a permanência na UTI. Essa identificação rola lá pela 21ª semana da gestação, quando o aparelho auditivo do bebê está pronto para funcionar.

2. Quando você pratica exercícios, a música induz ao movimento, disfarça a sensação de fadiga e dor, fazendo com que você se sinta mais motivado a fazer o que quer que esteja fazendo. Acho que quem faxina a casa ouvindo Lady Gaga já deve ter percebido isso, né? rsrs

3. A música reduz vários tipos de dor, incluindo dores crônicas (osteoartrite, por exemplo) e pós-operatórias.  Ela pode ser usada para diminuir a necessidade de medicações após o parto, e também como complemento para uma anestesia (pois faz com que o paciente tenha uma sensação de controle, levando o organismo a liberar endorfinas que acalmam a dor).

4. Pode reduzir a depressão em até 25%, justamente por causa da liberação de endorfinas que ela causa.

5. Acelera a recuperação de um AVC. Quando um paciente na Finlândia ouviu suas músicas favoritas por algumas horas por dia, a memória verbal e a atenção melhoraram bastante em comparação com os que não tinham ouvido nada. Além de AVC, também pode auxiliar na recuperação de muitas outras deficiências na função motora, na cognição, nos processos sensoriais e em perturbações emocionais (como a depressão citada acima).

6. Melhora a memória: Ouvir uma música clássica ou simplesmente calma ajuda a aprender melhor. A informação que está sendo estudada ativa o lado esquerdo do cérebro, enquanto a música ativa o lado direito. Apesar de muitos afirmarem que a música clássica é a melhor, ainda não foi comprovado se há um tipo específico que funcione melhor ou se o efeito é o mesmo para qualquer estilo.



Quando eu vi que a música ajudava até na recuperação de um AVC, nem eu acreditei hahaha Tem muita coisa sobre a música que a gente não sabe, mas sempre tem o tio google para nos dar o ar da sabedoria, né? Comente aí se tem alguma coisa que você sabe e não apareceu aqui. 

Fontes:

Share:

1 Fumados comentaram aqui

  1. Que legal, não sabia q a música tinha todo esse poder,arrasou no post,beijos adorei.

    ResponderExcluir

E aí, o que achou do post? Gostou? Odiou? Achou uma bosta e tá a fim de dizer que sou um lixo, me mandar pra puta que pariu? Comenta aí!

Obs: Não pagarei seu cardiologista nem seu psicólogo/psiquiatra caso acabe precisando.